Sexta-feira, 22 de Janeiro de 2010
…Perdido

[Error: Irreparable invalid markup ('<spanstyle="font-family:verdana;">') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

<p align="left"line-weigh="50px"><spanstyle="font-family:verdana;"><font-weigh="14px">Perdido.<br />Quase podia jurar,<br />Que um dia passei aqui.<br /> <br />Mas,<br />Não era este o tempo,<br />Nem esta a luz que vi,<br />Fazia escuro sem o luar,<br />Nem um palmo conseguia enxergar.<br /> <br />Por isso não te vi a ti,<br />Nem sequer por um momento,<br />E foi por muito mais tempo,<br />Tanto que nem eu sei,<br />Por quantos lugares eu andei,<br />Em todos eles te procurei,<br />Mas sempre continuei…<br /> <br />…Perdido.


publicado por escrevernareia às 23:21
link do post | comentar | favorito

5 comentários:
De anja a 23 de Janeiro de 2010 às 13:18
Agradeço aos inimigos
que sempre me indicaram a melhor direção.

Agradeço as dores que invadem o meu corpo,
confirmando minhas imperfeições.

Agradeço o choro escondido
que lava a minha alma.

Agradeço o desespero
que me traz saudades da harmonia.

Agradeço aos sonhos
que me levam um passo adiante.

Agradeço à liberdade,
pilar de minha felicidade.

Agradeço ao que não recebi,
indicando o lugar que devo ocupar.

Agradeço à inteligência
que me faz compreender as dificuldades do caminho.

Agradeço a consciência que me julga
quando descanso a cabeça no travesseiro.

Agradeço às minhas mãos,
minhas ferramentas mais valiosas.

Agradeço à fome
e ao frio que nunca passei.

Agradeço à necessidade na dose certa
que me ensinou o melhor caminho.

Agradeço a oportunidade
de estender meus braços, não para pedir,
mas para consolar.

Agradeço à minha mãe
por estar sempre ao meu lado e pela prece
que ela me ensinou para agradecer.

Agradeço à oportunidade
de doar meus ombros ao amigo que chora.

Agradeço à liberdade
para errar, amar, sorrir.

Agradeço aos amigos
que me fazem seguro e feliz.

Agradeço a oportunidade
de estar em seus pensamentos.

Agradeço a Deus a dádiva recebida,
muitas das quais não mereci.

ABRAÇOS...


De anja a 23 de Janeiro de 2010 às 13:33
PINTURAS...

Desenhei teu rosto na areia fina
Numa praia deserta...
Perdi horas e horas
Tentando fazer com que a figura
Interpretasse sua beleza,
Que cada traço, cada esboço
Lembrasse você
Mas, por mais que desejasse,
Não conseguia colocar ali
Tudo que desejava...
Queria que os traços do desenho
Mostrassem o amor e a serenidade
Que carregas em teu peito...
Nos teus olhos, queria o brilho do carinho
que sentes por mim...
No cabelo, a carência de um dengo!
Em cada curva, queria ver
um sentimento que é só seu...
Mas quem dera fosse eu um artista
Para representar você numa obra!
Precisaria ter o dons dos grandes mestres
Mas, ai de mim!
Por mais que tentasse, jamais conseguiria!
Então, deixei o tempo passar,
Fiquei ali sonhando acordado com você
Até que uma onda veio e levou todo o trabalho,
Todo meu carinho por você...
Mas não importa
Tenho você sempre comigo no meu coração
Um lugar onde nada,
nem as ondas do mar alcançam
para roubar você de mim...

( quando cansares da minha invasão...notifique-me! rs)


De To Quim a 23 de Janeiro de 2010 às 13:57
Obrigado Anja.
Nem tenho palavras, para agradecer a riqueza que trazes a este meu simples blog, com teus comentários sempre tão dignos e inspirados.
Bem hajas por isso.
Bjs


De Laurinha a 24 de Janeiro de 2010 às 05:23
Quim,

Podes negar, quanto quiseres, tu és um poeta!rsrs

Aproveito o espaço, para humildemente, agradecer o carinho com o meu blog, abrindo um link. É uma honra.

Bjs


De To Quim a 24 de Janeiro de 2010 às 12:28
Eu não sou poeta, apenas escrevo o que sinto em pequenas frases, que procuro sejam simples e de facil entendimento. Não sei regras de escrita e nem penso que tal seja importante para mim.
Mas agradeço as tuas palavras Laurinha e o link para o teu blog é apenas porque gosto de partilhar o que leio com quem passa aqui pela Areia.
Bjs


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Meu sonho...

Olho-a...

Espalhar versos

Desejo

Teu amor

Palavras simples

Amor natural

O tempo fica escasso

In-quotidiano

Resgate

arquivos

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

tags

todas as tags

ILCAO
Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue!
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds
Creative Commons
Licença Creative Commons
Escrever n'Areia de To Quim Rodrigues é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Unported.